“Palavra, Pausa, Prece”

uses browser cookies to give you the best possible experience. To use Freebiesbug, you must agree to our. uses browser cookies to give you the best possible experience. To use Freebiesbug, you must agree to ouruses browser cookies to give you the best possible experience. To use Freebiesbug, you must agree to ouruses browser cookies to give you the best possible experience. To use Freebiesbug, you must agree to ouruses browser cookies to give you the best possible experience. To use Freebiesbug, you must agree to ouruses browser cookies to give you the best possible experience. To use Freebiesbug, you must agree to our

Walacy Neto

 

Walacy Neto nasceu em Itaberaí, no interior de Goiás. Criou o selo literário Zé Ninguém, com o intuito de tirar poetas da gaveta. Participou em 2015 da exposição coletiva Poesia Agora, no Museu de Língua Portuguesa. Fez parte das três últimas edições da Balada Literária, em São Paulo. Em 2017, publicou Muito pelo Contrário, seu primeiro livro, que reúne poemas e prosa poética, pela Nega Lilu. Em 2018, participou da mesa “Páginas Reveladas”, no Festival Internacional de Literatura de Paraty (Flip). Foto: Marcello Dantas

Cristina Cruz

 

Educadora e advogada de formação, astróloga e escritora de alma, ainda pequena descobriu na literatura um mundo novo, iniciando bem cedo sua exploração e expressão pela poesia, contos e roteiros. Publicou a Coleção da Tia Kitty, hoje com três obras para crianças e jovens: A Flor e a Rosa (2015) a Estrelinha Curiosa (2016) e o Beijinha Beija-Flor (2017). Foto: acervo da autora

David Biriguy

 

David Henrique Nunes de Lima (1995), conhecido também como “Biriguy” é um jovem poeta, compositor e produtor cultural do Agreste pernambucano, de Belo Jardim, especificamente. Mergulhou na vida literária aos doze anos quando começou a recitar poesia na escola. Desde então, Biriguy insere seus trabalhos nos ambientes literários conquistando mais publicações em concursos e publicando as próprias obras de forma artesanal e independente através do selo editorial Lara Cartonera (fundado pelo autor). Foto: Daiana Marques

Clara Averbuck

 

Clara Averbuck é escritora, tem sete livros publicados e já teve a obra adaptada para cinema e teatro. Já escreveu para inúmeros sites, revistas e jornais e hoje é uma das editoras do site Lugar de Mulher, criado em 2014, considerado um dos principais agentes a fomentar o debate sobre as questões de gênero no Brasil. Tem também um canal no YouTube e uma dezena de projetos que vai, sim, tirar do papel até um dia desses.

Jul Pagul

 

Criou e coordenou a Rede de Notícias – memórias e informações do Carnaval. Desenvolve o projeto PRESENÇA – Música, poesia e tecnologias. Foi gestora da Casa de Cultura – Balaio Café durante 10 anos. É blogueira atuante na rede de rádios livres e no Centro de Midia Independente (Indymedia). Também contribui com o Movimento MegaNão que trata de criação, liberdade e cidadania em relação ao marco civil da internet. Foto: Acervo pessoal

Renato Negrão

 

Nasceu e reside em Belo Horizonte, é poeta, compositor, artista visual e arte educador. Autor de Vicente Viciado (Editor Rótula, 2012) e outros cinco livros de poemas. Utiliza aspectos da comunicação poética e estratégias da arte contemporânea como legado pedagógico para a educação, recebendo por este trabalho o prêmio Rumos Itaú Cultural em 2008/2010. Realiza performances poéticas pelo Brasil e compõe canções com nomes da cena nacional contemporânea. Foto: Mauro Figa

Teresa Monteiro

 

Professora, doutora em Letras pela PUC-Rio, idealizadora e guia do passeio “O Rio de Clarice”, transformado em livro pelo Grupo Autêntica. Há 28 anos dedica-se a divulgar o legado de Clarice Lispector. Autora de “Eu sou uma pergunta. Uma biografia de Clarice Lispector” e organizadora de diversas obras da escritora, todas publicadas pela Rocco. Corroteirista do documentário “A descoberta do mundo”, de Taciana Oliveira.
Foto: Taciana Oliveira

Renata Bittencourt

 

Renata Bittencourt é historiadora da arte e gestora cultural. Suas pesquisas de mestrado e doutorado na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) abordam a representação do negro na pintura brasileira. Atuou no Itaú Cultural, na Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, e na Secretaria da Cidadania e da Diversidade do Ministério da Cultura (MinC). Foi contemplada pela Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA) e pela Fulbright. Atualmente é diretora de processos museais no Instituto Brasileiro de Museus (Ibram). Foto: Acervo pessoal

Luiz Tatit

 

Luiz Tatit é compositor, cantor, violonista, professor universitário, semioticista e autodidata. Com canções gravadas por importantes intérpretes da MPB, como Daúde Ney Matogrosso, Zélia Duncan, Tatit figura entre os principais cancionistas brasileiros. Tem parcerias com diversos artistas, como Itamar Assumpção, José Miguel Wisnik, Fabio Tagliaferri, Dante Ozzetti e Ná Ozzetti. Além da música, Tatit é professor titular do Departamento de Linguística da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP. Foto: Gal Opido

Teresa Montero

 

Professora, doutora em Letras pela PUC-Rio, idealizadora e guia do passeio “O Rio de Clarice”, transformado em livro pelo Grupo Autêntica. Há 28 anos dedica-se a divulgar o legado de Clarice Lispector. Autora de “Eu sou uma pergunta. Uma biografia de Clarice Lispector” e organizadora de diversas obras da escritora, todas publicadas pela Rocco. Corroteirista do documentário “A descoberta do mundo”, de Taciana Oliveira.
Foto: Taciana Oliveira

Tatiana Nascimento

 

Tatiana Nascimento é palavreira: compositora cantante tradutora y p o e t a brasiliense. editora-fundadora da padê editorial, que publica autoras negras e/ou lgbtqi em livros artesanais. idealizadora e produtora da quanta! mostra de artistas LBTs no DF, cofundadora da mostra palavra preta – mostra nacional de negras autoras, idealizadora/cofundadora do slam das minas DF – primeira batalha de poesia falada exclusiva pra mulheres e lésbicas no brasil.
Doutora em estudos da tradução pela universidade federal de santa catarina.
filha, irmã, namorada. sapatão afrodiaspórica. / @tatiananascimentocanta